Vibração Ocupacional 2018-12-18T20:46:12-03:00

Vibração Ocupacional

VIBRAÇÃO

O Laudo de Vibração Ocupacional é uma avaliação quantitativa das exposição de colaboradores às vibrações, sejam elas localizadas ou de corpo inteiro, conforme anexo nº 8, da NR-15, do MTE.

Vibração é definida como um movimento repetitivo e periódico que algum objeto venha a fazer ou causar.

Será elaborado Laudo Técnico de Vibração Ocupacional que constará de:

  • Critério adotado;
  • Equipamento utilizado;
  • Metodologia de avaliação;
  • Normas utilizadas;
  • Descrição das condições de trabalho;
  • Tempo de exposição às vibrações;
  • Resultado da avaliação quantitativa
  • Possíveis medidas para eliminação ou remediação;

As atividades e operações que exponham os trabalhadores, sem a proteção adequada, às vibrações localizadas, ou de corpo inteiro, serão caracterizadas como insalubres, através de perícia realizada no local de trabalho.

Os danos provocados pela vibração em um operador vão desde danos físicos, até psicológicos e nervosos. E são sintomas difíceis  de se caracterizar, pois como estamos falando desde o início, poucas pessoas atentam e se cuidam dos problemas decorrentes da vibração no ambiente de trabalho.
Dentre os efeitos físicos, a região torácica é que mais sofre, principalmente por operadores de furadeiras.
Outras lesões comuns são na espinha (região lombar e nos discos), membros superiores (braços e mãos), pescoço e nos ouvidos (por conta do alto nível de ruídos que máquinas vibratórias produzem).
A exposição e uso de equipamento vibrante por um trabalhador também pode lhe ocasionar sérios danos psicológicos, pois é uma atividade mentalmente cansativa, estressante e irritante.

Portaria n.º 3214/78 do MTb – NR/15

O trabalho realizado pela Multee e definido pela Portaria, visa a comprovação ou não da exposição que deve tomar por base os limites de tolerância definidos pela Organização Internacional para a Normalização – ISO em suas normas ISO 2631 e ISO/DIS 5349 ou suas substitutas.

Consequências da exposição a vibração nos trabalhadores

As operações e atividades que geram vibrações, podem afetar a saúde do trabalhador, causando diversas doenças tais como:

  • alterações neurovasculares nas mãos,
  • problemas nas articulações das mãos e braços,
  • osteoporose (perda de substância óssea),
  • lesões na coluna vertebral,
  • dores lombares,
  • etc…

Avaliação Quantitativa: Transdutor Piezoelétrico para medição de aceleração absoluta.

Vibrações Localizadas: São aquelas transmitidas normalmente às extremidades do corpo, especialmente, mãos e braços, tais como as prescritas por ferramentas manuais;

Vibrações de Corpo Inteiro: São aquelas transmitidas ao corpo do trabalhador, na posição sentado, em pé ou deitado; por exemplo, as vibrações a que estão expostas os motoristas de caminhão, operadores de tratores, máquinas agrícolas, etc.

Não importando a causa, a vibração é sempre o ato de um objeto se mover, parar e se mover em outra direção. Isso repetido várias vezes

Esse ato de sair do repouso, acelerar, parar, acelerar de novo (e assim sucessivamente), causa uma aceleração, e esta, causa uma força no operador da máquina que está vibrando.

É essa força, geralmente forte e desmedida, que atua no trabalhador que pode vir a lhe prejudicar, comprometendo sua saúde e capacidade de trabalho.

 

A Multee Engenharia assessora as organizações na gestão de Segurança do Trabalho visando minimizar as doenças ocupacionais por agentes físicos, bem como proteger a integridade e a capacidade de trabalho do colaborador.

A Multee Engenharia ainda dispõe de profissionais gabaritados para atendimento e cumprimento a todas as Normas Regulamentadoras do Ministério do trabalho e Emprego, do INSS e da Vigilância Sanitária

SOLICITE PROPOSTA (11) 3867-9502 ou fale conosco através do CHAT on line

× WhatsApp ! Converse comigo !